quarta-feira, 25 de março de 2015

Sentidos.

Sob os olhos do medíocre poema o eclipse se consagrou
ao ser embelezado pela vertente acima da capacidade humada de ouvir.

A beleza é uma estrela de cinco pontas
de cinco pontes aos sentidos atentos...
Tem na mão o calo da ousadia de tocar
tem nos olhos a força da magia
tem das rosas o aroma da fantasia
tem das canções o Noturno de Chopin
tem do paladar o beijo de afeto

na noite enluara
jardinada
fantasiada
dançarina
os sabores do universo

ives vietro

E ao ser traduzido ao olhar da bela que deixou
a lua tocar o meu olhar, com a luz do sol.
Então o Eclipse total:

A pulcritude é uma cintila de cinco bicos
De cinco mediadores aos vividos cuidadosos...
Possui na garra o endurecimento da audácia de tatear
Possui na visão a possança da prestidigitação
Possui das rosas a fragrância da utopia
Possui das árias o Noctívago de Chopin
Possui do palato o ósculo de afeiçoado

Na escuridão da claridade da lua
Noctambulada
Devaneada
Bailarina
As gustações do cosmo

Ana Júlia Machado

22 comentários:

  1. Mais uma belíssima poesia sua Ives!!!
    Parabéns!!!
    Beijos e beijos

    http://simplesmentelilly.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Linda poesia de Ana Júlia Machado.
    Todos os sentidos e todas as fragrâncias que podemos sentir.
    Bja Ives e obrigada pela visita.
    Carmen Lúcia.

    ResponderExcluir
  3. Belíssima poesia que trouxeste ,Ives! Linda! abraços,chica

    ResponderExcluir
  4. O jogo de metáforas entre você, Ives e a Ana Júlia complementam-se, sem vencedores ou vencidos, mas ao sabor dos saberes sensíveis da vida.
    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada por apreciar Célia.

      Excluir
  5. Um canto à Lua num dia de eclipse. De facto os cinco sentidos agitam-se nestes acontecimentos.
    Por mais singelos que possam parecer sempre estamos atentos com os nossos olhos procurando os outros sentidos.
    Um poema mais difícil de interpretar.

    ResponderExcluir
  6. Duas poesias lindas demais
    Parabéns aos dois
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agradeço lua singular. Mas a do Ives é a principal. Eu com a dele fiz a minha versão.

      Excluir
  7. Parabéns para vocês pelos lindos poemas!
    Abração!
    Mariangela

    ResponderExcluir
  8. Ah! Que bonito!
    Comunhão de olhares e sentimentos!
    Sintonia e percepção!
    Felicidades a vocês!

    ResponderExcluir
  9. Um belo poema.
    Um abraço e continuação de uma boa semana.

    ResponderExcluir
  10. Um belo poema.
    Um abraço e continuação de uma boa semana.

    ResponderExcluir
  11. Ives, que lindos poemas, viestes em dupla para nos encantar, os seus "Sentidos" que logo a seguir vem o da Ana que muito me encantaram!
    Os dois poemas estão lindos, fizeram jus ao belo eclipse!
    Abraços apertados aos dois!

    ResponderExcluir
  12. Caro Ives, magnifico meu amigo. Todos os sentidos exaltados,exalando estrelas diante dessa poesia.

    Abraços para vocês,
    Dan.

    ResponderExcluir
  13. Belos sentidos, Ives...
    (Bastante ocupada com escritos narrativos, logo retomarei as visitas com mais assiduidade.)
    Bjo :)

    ResponderExcluir
  14. Duas maneiras de sentir. Dois poemas encantadores...
    Beijo

    ResponderExcluir
  15. Oi amigo Ives, vim lhe desejar uma excelente semana, abraços e fique com Deus!!

    ResponderExcluir
  16. Toda beleza merece ser apreciada.
    Um lindo dia pra vc =)

    ResponderExcluir
  17. Tudo que for belo temos que apreciar
    e agradeço o que tem sempre de mais perfeito

    Abraços com carinho!

    └──●► *Rita!!

    ResponderExcluir
  18. Que bom começar a semana com esta beleza de palavras. Dois poemas diferentes e semelhantes, enrolando-se num só :) Gostei muito. Obrigada!
    Uma boa semana

    ResponderExcluir